PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM JACAREÍ
/ Voltar /    


SEJA UM CRISTÃO ESTÁVEL
Mn. Jônatas Sousa

 

SÉRIE: SEJA UM CRISTÃO DE VERDADE
09/JUNHO/2010

A Série  SEJA UM CRISTÃO DE VERDADE nos ensinará como viver uma vida cristã mais autêntica e comprometida com os valores do Reino de Deus. Aprenderemos a identificar várias características marcantes de um verdadeiro cristão. Para auxiliar esse estudo, recomendamos a leitura do livro O OBREIRO CRISTÃO NORMAL – Watchmann Nee – Ed. FIEL.

Uma vida cristã bem sucedida é fruto de um caráter cristão. Dons, recursos, experiências, etc. ajudam, mas não determinam o sucesso.

Nossa oração é que essa série contribua para que você identifique possíveis falhas em seu caráter cristão e se torne um cristão cada vez mais autêntico.

Na semana passada aprendemos que precisamos ser diligentes! Hoje o nosso tema é:

SEJA UM CRISTÃO ESTÁVEL

Introdução

Todo obreiro cristão deveria ser estável! Infelizmente, muitos crentes são inconstantes. O seu humor se altera com as situações do momento, de modo que muitas vezes se torna brinquedo das circunstâncias; por conseqüência, não podemos depender deles. Suas intenções são boas, mas, visto que são emocionalmente instáveis, com freqüência perdem a sua firmeza.

A Bíblia nos mostra um exemplo de uma pessoa que era inconstante! O nome dele era Simão Pedro. Vejamos algumas situações:

Jesus disse: “Mas vós... quem dizes que eu sou?” Pedro responde: “Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo”
Pedro foi capaz de reconhecer que Jesus era o Cristo, o Filho do Deus vivo, porque Deus se revelou para ele.

Jesus disse: “Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela”. “Dar-te-ei as chaves do reino dos céus, o que ligardes na terra terá sido ligado nos céus; e o que desligardes na terra terá sido desligado nos céus”
Pedro foi libertado da instabilidade que o caracterizava e se tornou um ministro de Cristo firme como uma rocha, ele pôde usar as chaves que lhe haviam sido confiadas e valer-se da autoridade de abrir e fechar.

Após ouvir Jesus contar sobre a crucificação, a sua ressurreição e os sofrimentos que lhe sobreviriam, Pedro que a pouco atingia alturas elevadas em sua experiência espiritual, caía em abismos perigosos.
Pedro disse: “Tem compaixão de ti, Senhor; isso de modo algum te acontecerá.”

Pedro era autoconfiante, sua impulsividade o caracterizava.
Jesus detalhou a profundeza em que Pedro cairia ao negá-lo, mas Pedro não se convenceu e ainda protestou.
“Ainda que me seja necessário morrer contigo, de nenhum modo te negarei”

Jesus pede a Pedro que vigie com ele, mas Pedro cai no sono.
“O espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca”
Pedro estava sendo sincero, ele queria servir a Jesus sem reservas, mas ele achava que estava pronto, mas era fraco.

Quando prenderam Jesus, os discípulos fugiram, Pedro abandonou o seu Senhor. “Pedro seguira-o de longe até ao interior do pátio...”

Dominado pelo temor, Pedro nega a Jesus:
“Não o conheço, nem compreendo o que dizes”
“Ele negou outra vez, com juramento: Não conheço tal homem”
“Não conheço este homem”
Pedro tinha um caráter franco, possuía emoções fortes e confiava em suas emoções, porém o dia da provação comprovou que ele não estava pronto, com antes pensara que estava.

Assim era Pedro! Um dos discípulos de Jesus que caminhava com ele lado a lado. Pedro tinha um temperamento forte! Foi necessário que Jesus transformasse seu temperamento. Pois ele era inconstante!

E o seu temperamento? Você é estável? Ou é inconstante?

Como controlar o meu temperamento?

“Tudo posso naquele que me fortalece.” (Filipenses 4.13)

“Por isso digo: Vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne.”  (Gálatas 5.16)

“Deus está mais interessado em mudar as pessoas do que as circunstancias” (Tim Lahaye)

Qual é o seu temperamento?

Você tem conseguido controlá-lo?

Existe uma teoria chamada “Teoria dos 4 temperamentos”. Seu autor foi Hipócrates (460 a 370 a.C), o chamado “Pai da Medicina”, ele foi o gigante do mundo médico da Grécia Antiga.

  • Os coléricos
  • Os melancólicos
  • Os fleumáticos
  • Os sanguíneos

Vejamos 4 situações diferentes:

(Mostrar imagem 1 no power point)

Imagem da Caverna: qual a sensação de estar em uma caverna?

  • Escuro
  • Frio
  • Úmido
  • Silencioso
  • Atenção
  • Fechado
  • Concentrado
  • Introvertido

A imagem da caverna representa uma pessoa com temperamento melancólico:

  • Terra, Caverna, Bílis Negra
  • Observa o Mundo Interior
  • Reflexivo,quieto
  • Pesado
  • Dificuldade em se Expressar, em Verbalizar
  • Sentimento de incompreensão e desprezo
  • Se opõe à mobilidade,à decisão
  • Pode chorar à noite por algo acontecido de manhã
  • Sofre com superficialidade e compromisso
  • Têm profundidade, seriedade e compaixão
  • Satisfação em ajudar o próximo
  • Órgão- Pulmão

(Mostrar imagem 2 no power point)
Imagem – Voar de asa delta: Qual a sensação de voar de asa delta?

  • Espaço
  • Liberdade
  • Movimento
  • Leveza
  • Altura
  • Exposição
  • Fragilidade
  • Vulnerabilidade
  • Visão Ampla
  • Extroversão

A imagem “voar de asa delta” representa uma pessoa com temperamento sanguíneo:

  • Ar, Asa Delta,Sangue
  • Alegria da Casa, faz o ambiente leve
  • Faz tudo ao mesmo tempo, Lábil, Flutuante
  • Sente-se bem rodeado de pessoas, popular
  • Sedutor, Charmoso,Rápido, Receptivo
  • Percebe a Oportunidade
  • Impulsivo, Superficial
  • Cativante, contador de piadas
  • Conhece rapidamente cada um pelo nome
  • Quando algo dá errado, ele não esta lá
  • Tem dificuldade de levar algo até o fim
  • Raramente é radical nos julgamentos
  • Órgão -Rim

(Mostrar imagem 3 no power point)

Imagem – pessoa boiando: qual a sensação de boiar?

  • Superfície
  • Tranqüilidade
  • Sensação de ser Levado
  • Desatento
  • Desligado
  • Sustentado
  • Leve

A imagem “pessoa boiando” representa uma pessoa com temperamento fleumático:

  • Água, Boiar, Linfa
  • Tranquilo  e calmo em situações difíceis
  • Paciente, Sereno
  • Companheiro, tem muitos amigos
  • Cuidadoso, Observador, Mediador, Imparcial
  • Sem sua fidelidade, equilíbrio , paciência e amor aos hábitos, assim como sua precisão e meticulosidade às tarefas , não seria possível a existência de uma comunidade.
  • Criam harmonia e são confiáveis
  • Têm dificuldade com o novo, não arriscam
  • Não se deixam perturbar
  • Conservadores, procuram Bem Estar
  • Órgão- Fígado

(Mostrar imagem 4 no power point)

Imagem – pessoa mergulhando: qual a sensação de mergulhar?

  • Intenção
  • Atuação
  • Limite
  • Contido
  • Profundidade
  • Alerta
  • Silêncio
  • Envolvimento

A imagem “pessoa mergulhando” representa uma pessoa com temperamento colérico:

  • Fogo, Mergulhar,Bílis Amarela
  • Líder, mobilização por idéias
  • Força, Autoridade, tem iniciativa
  • Auto Suficiente, Independente
  • Entusiasmo
  • Gosta de Desafios
  • Não Argumenta, são exigentes
  • Objetivo, Focado, perseverante
  • Senso de Justiça, amor à verdade
  • Empreendedor
  • Pontual
  • Só fica bom e certo do meu jeito
  • Órgão-Coração

Alguns aqui poderiam dizer: “tenho um do tipo...”

Vejamos o temperamento de uma pessoa expressado por um animal. Vamos rir um pouco.

Mostrar Figura 5, 6, 7, 8, pausadamente

Não existe temperamento correto! Existe temperamento transformado!

Nenhum homem pode mudar seu temperamento por si mesmo, nem pela melhor terapia ou filosofia, por dentro só Deus pode mexer e mudar.

Independente do seu tipo de temperamento, você vai sempre se deparar com o dilema:

DESEJOS DA CARNE X VONTADE DO ESPÍRITO

 

“Não se embriaguem com vinho, que leva à libertinagem, mas deixem-se encher pelo Espírito, falando entre si com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando e louvando de
coração ao Senhor” (Efésios 5.18-19)

A questão é ser estável!

Para ser estável e controlar seu temperamento é necessário que você:

  • Faça um auto-exame de sua vida espiritual.

 

“Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos
pecados e nos purificar de toda injustiça.” (1João 1.9)

  • Rompa com os valores do mundo.

 

“Da mesma forma, considerem-se mortos para o pecado, mas vivos para Deus em Cristo Jesus. Portanto, não permitam que o pecado continue dominando os seus corpos mortais, fazendo que vocês obedeçam aos seus desejos.” (Romanos 6.11-12)

  • Submeta-se aos valores de Deus.

 

“Não ofereçam os membros do corpo de vocês ao pecado, como instrumentos de injustiça; antes ofereçam-se a Deus como quem voltou da morte para a vida; e ofereçam os membros do corpo de vocês a ele, como instrumentos de justiça.” (Romanos 6.13)

  • Mude de atitude

 

“Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!” (2Corintios 5.17)

 

  • Afaste-se do mal e busque a santificação.

“Afastem-se de toda forma de mal. Que o próprio Deus da paz os santifique inteiramente. Que todo o espírito, a alma e o corpo de vocês sejam preservados irrepreensíveis na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.” (1Tessalonissenses 5.22-23)

Conclusão:

  • Descubra o porquê do seu comportamento na devida circunstância.
  • Recuse-se a sentir-se culpado.
  • Lembre-se que você não está só.
  • Escolha seguir o caminho de Deus

 

A estabilidade é alcançada com a maturidade, e a maturidade é alcançada à medida que me torno parecido com Jesus. Portanto, é possível ser um cristão estável!

 

 

 

 

 

 

 

 



Voltar ao topo.